Um jovem muito enigmático

Uma vez conheci alguém inspirador. Uma pessoa que queria sempre ultrapassar os seus limites. Queria sempre superar-se a si mesmo. Desejava saber muita coisa, sobre muitos temas. Tinha uma muito boa cultura geral e tirava sempre umas ótimas notas na escola. Ele não queria ser o melhor da turma, nem nada do género. Apenas queria ter mais conhecimentos. Tinha o seu grupo de amigos que o apoiava sempre sem nunca julgar as suas escolhas. Muitas pessoas pensavam que todo o mundo era exigente com ele, porque parecia que não via mais nada à frente a não ser o trabalho, mas isso não era verdade. Eu conhecia essa pessoa como ninguém. É certo que tinha os seus problemas, como toda a gente, mas o seu grande problema era ele mesmo. Eram todos aqueles momentos em que ele achava que não havia trabalhado o suficiente. Se calhar ele poderia ter trabalhado mais uma hora ou duas. Talvez isso fizesse a diferença no próximo teste, mas isso nunca saberemos. Ele tinha sempre tudo sob controlo, com um horário muito organizado e restrito. Talvez fosse por isso que muitas pessoas não o compreendessem. Era alguém que lidava muito mal com a pressão e com o stress, porque nunca estava habituado a falhar, mas ele é humano e, como tal, esse dia chegou. Nesse dia o seu mundo desabou e tudo o que ele havia conquistado, parecia não ter servido para nada. Estava perdido e sem forças para continuar. Foi o dia em que ele soube que estava na hora de mudar! Hoje, este jovem é um pouco diferente. Conheceu muita gente nova e mudou de ares. Deixou muita coisa para trás. É certo que ele continua a ser a mesma pessoa, mas hoje já não é tão exigente consigo mesmo. Percebeu que é a errar que se aprende e que é apenas saindo da sua zona de conforto que pode ser uma pessoa melhor. Muitos provavelmente continuarão a achá-lo um verdadeiro paradoxo, mas enquanto ele se sentir bem consigo mesmo está tudo bem. Hoje ele é uma pessoa muito mais ativa e é blogger. Talvez um dia encontrem um dos seus textos e consigam perceber muito melhor a sua forma de pensar…